Estilo industrial: Inspiração de NY em apartamentos de SP | Designers Brasileiros

Cimento nas paredes, tijolos aparentes, encanamentos e tubulações que fazem parte da decoração em uma tendência que veio para ficar

Mais do que uma tendência na decoração de apartamentos à venda em São Paulo, o estilo industrial é um capítulo na história da arquitetura. Essa onda minimalista – e vista até como “brutalismo” em alguns casos – vem de uma Nova Iorque (EUA) que começou a habitar prédios comerciais, galpões e fábricas desativadas no início da década de 50. Essa busca por espaços mais urbanos, acessíveis e que podiam ser modulados de forma a abrigar casa e escritório transformou o mercado imobiliário daquela cidade para sempre.

Voltando para o século XXI, separamos alguns dos principais itens que não podem faltar para que a sua decoração com estilo industrial vá muito além dos tijolinhos aparentes!

Iluminação natural que realça o ambiente.

As janelas amplas são uma herança dos pés direitos altos de fábricas e galpões. Além de aproveitar ao máximo a vista do imóvel, elas também fornecem uma fonte de luz durante o dia que valoriza qualquer ambiente. O teto alto também favorece a instalação de iluminações diferenciadas.

Verde que transforma qualquer lar.

Aproveite toda essa iluminação natural do seu apartamento apostando em plantas de várias espécies para compor o espaço. Vale desde aramados na parede, plantas suspensas como samambaias, e até escadas antigas em que você pode utilizar os degraus para apoiar vasos. Além das cores e da beleza, as plantas também deixam sua casa muito mais fresquinha!

O estilo industrial entra na cozinha.

Clean, prático e funcional. As três palavras que seguem o estilo minimalista em cada cômodo do apartamento têm sua presença marcada na cozinha. Cores sóbrias como preto, branco e cinza dominam bancadas, mesas, luminárias pendentes, móveis e eletrodomésticos para  deixar a cozinha com um ar refinado e profissional.

Acabamentos aparentes fazem parte do projeto.

A estética urbana é favorecida quando encanamentos, vigas e outros elementos “não finalizados” são estrategicamente encaixados em um ambiente. Essa aparência bruta imita as antigas fábricas e pode (deve) ser harmonizada com objetos e móveis de cores diferentes e contrastantes para equilibrar com esses tons mais frios predominantes.

Ambientes organicamente otimizados.

Um outro ponto importante na composição de um estilo industrial é o aproveitamento de espaços que se fundem ou acumulam funções. Que tal uma cozinha que também é a sala de jantar? Ou uma sala que durante a noite se torna um quarto? Ou ainda um quarto que funciona como home office? Em espaços menores a otimização de cômodos é essencial para a funcionalidade.

Industrial, mas sem mudar a estrutura.

É possível reproduzir o estilo sem grandes janelas ou acabamentos aparentes. Invista em muitos itens decorativos como móveis antigos, bancos de metal e acessórios com acabamento rústico. A iluminação pode contar com trilhos que passam por todo o ambiente, spots e lustres pendentes simulando a luz de fábricas. Piso e paredes com concreto também são bem vindos no estilo, assim como móveis de couro e reciclados.

Um projeto inspirado no estilo industrial passa pela arquitetura, formatação de ambientes e decoração de um apartamento, transformando-o em um espaço minimalista, moderno e completamente funcional, pois otimiza e mescla os ambientes do imóvel.

Você poderá gostar:

Comentários no Facebook