Mastercard simplifica ainda mais o seu logotipo | Designers Brasileiros

Com esta mudança os dois círculos, vermelho e amarelo, assumem um papel maior

Uma mudança de logo é sempre arriscada, mas emocionante. Uma possibilidade de mudança que, bem executada, pode maximizar a exposição da imagem de uma marca. Podemos levar como exemplo a Mastercard, que tem seu logo sem a tipografia Mastercard reconhecido espontaneamente por 80% das pessoas entrevistadas pela empresa.

Em 2016, a Mastercard lançou uma nova identidade com um logotipo simplificado, dando mais peso aos dois círculos. Dois círculos que agora ganham ainda mais destaque.

Mastercard: Um logotipo ainda mais simplificado

Assim, a empresa renunciou ao seu nome dentro da marca icônica , um novo símbolo que será adotado em alguns contextos. Os círculos típicos do seu logotipo, vermelho e amarelo, aparecerão sozinhos em alguns lugares: pontos de varejo , mundo digital e em determinadas ações de patrocínio.

Como o cenário do consumidor e do comércio continua a mudar, o símbolo da MasterCard representa a marca melhor que qualquer outra. E esse design moderno e flexível permitirá trabalhar de forma mais fluida no cenário digital.

A reinvenção na era digital exige simplicidade moderna.

Isso é explicado por Raja Rajamannar, diretora de marketing e comunicações da Mastercard. “Com mais de 80% das pessoas reconhecendo o logotipo da MasterCard sem a palavra, estamos preparados para dar o próximo passo na evolução da nossa marca.”

Os dois círculos interligados representaram a Mastercard por mais de 50 anos, simbolizando a promessa da marca de conectar seus consumidores com inúmeras possibilidades. Os dois círculos entrelaçados representam a Mastercard há mais de 50 anos

Os dois círculos, perfeitamente reconhecíveis, são um poderoso símbolo da marca.

“Vivemos em um momento em que, cada vez mais, nos comunicamos através de ícones e símbolos em vez de palavras. A Mastercard tem a sorte de ser representada com dois círculos cruzados desde sua fundação em 1966 “, explicou Michael Bierut, sócio da Pentagram. “Agora, ao permitir que esse símbolo brilhe por conta própria, a Mastercard entra na elite de marcas que são representadas não apenas por seu nome, mas também por um símbolo”.

Você poderá gostar:

Dalmir
Author

Dalmir Junior é fundador do Designers Brasileiros e Coordenador de Criação na Prefeitura de Franco da Rocha.

Comentários no Facebook